RECEBA

NOSSAS

POSTAGENS

Obrigado pelo envio!



Será que o farelo de aveia pode ser consumido na Dieta Low Carb?


Diariamente, recebo muitas dúvidas sobre o farelo de aveia: se pode ser consumido na low carb? Qual quantidade? Em qual horário? Etc.


A Dieta Low Carb tem como princípio básico ser uma dieta de baixo carboidrato. Nessa dieta, você não controla calorias, e nem come de 3 em 3 horas, muito menos controla quantidades. A Dieta Low Carb é uma dieta que se você souber os alimentos certos, poderá comer à vontade e emagrecer mesmo assim.


Basta que você tenha conhecimento para saber quais alimentos que podem ou não. E o farelo de aveia é um tema polêmico, por isso, hoje vou te auxiliar nessa questão!


A maioria das pessoas já sabe que a aveia não pode ser consumida, isso, porque ela tem bastante amido. Mas hoje você irá entender o porque que o farelo de aveia vai poder entrar na sua dieta.


Não é que a aveia engorde, mas ela atrapalha o seu emagrecimento assim como outros alimentos que também não podem na Dieta Low Carb.


Vamos entender melhor como isso funciona


Existem três grupos de alimentos:


1° - Os alimentos de alto índice glicêmico que são os que engordam.


2° - Os alimentos de médio índice glicêmico que não engordam, mas atrapalham o seu emagrecimento.


3° - Os alimentos de baixo índice glicêmico, que fazem a pessoa emagrecer. Esses aí são os seus melhores amigos!


A Dieta Low Carb ou a Fase Full do método Nova Low Carb são totalmente baseados nos alimentos de baixo índice glicêmico, por isso são mais de 350 alimentos que você pode comer à vontade e mesmo assim perder peso.


O processo da aveia


A aveia ou a aveia em flocos está no grupo de médio índice glicêmico, então ela não engorda, mas atrapalha o emagrecimento. Já o farelo de aveia é de baixo índice glicêmico.


A aveia tem um amido que não é resistente, é disponível para absorção. Mas, tem também a fibra que não é digerida, e é consumida pelas bactérias intestinais.


Quando você separa esse amido da fibra, resta a farinha de aveia, que possuí só o amido e não pode ser consumida na Dieta Low Carb.

A fibra que restou desse processo é o farelo da aveia, esse você pode consumir tranquilamente na dieta, pois não vai ter aquele amido prejudicial que falamos. O amido que ele tem é o resistente, ao qual chamamos de fibra. Esse na verdade ajuda a sua flora intestinal, vai fazer bem para sua saúde e não vai aumentar o seu peso.


Porém, existe um macete que é importante saber (dica do Doutor), se for consumir o farelo de aveia use sempre pela manhã.


Esse processo de separação da fibra do amido não é 100%, fica na casa dos 90%, dependendo da marca, então, pode ser que junto com o farelo da aveia tenha algum amido, ou alguma farinha também.


Então, você já vai saber o macete, consumindo o farelo de aveia pela manhã, você vai ter o resto do dia para subir uma escada, andar para lá e para cá, e se tiver algum amido para ser queimado, ele será consumido nessa atividade física comum do dia a dia!


Agora vamos reforçar!


O farelo de aveia é a fibra da aveia, certo? Por isso, pode ser consumido, tem baixo índice glicêmico, mas é preferível que seja consumido pela manhã, para não correr o risco de ter uma farinha da aveia e atrapalhar o seu emagrecimento.


Como você vai poder consumir o farelo de aveia?


Vou te dar ideias de como inserir o farelo de aveia na Dieta Low Carb. Por exemplo, você pode fazer uma vitamina com leite de amêndoas ou leite de castanhas, frutas low carb e o farelo de aveia que ficará uma delícia. Pode pegar também o iogurte ou creme de leite e diluir com água, colocar a fruta que você quer, sendo Low Carb, e bater pela manhã com o farelo de aveia.


Você pode comer também um iogurte com morango, kiwi, castanhas e o farelo de aveia. Lembrando que nada de farinha de aveia!


Esses são exemplos de como você vai poder utilizar o farelo de aveia para ajudar no seu emagrecimento, então é importante que você tenha acesso a Fase Low Carb, a Fase Full para saber os alimentos que podem ser consumidos e ter dicas básicas para você poder fazer essa dieta e alcançar o seu peso ideal.





A nova moda para emagrecimento é o jejum intermitente. Está nas revistas, nos jornais e até na televisão. Infelizmente poucas pessoas tem acesso a melhor forma de utilizar esta técnica de acelerar o metabolismo para um emagrecimento que se sustente a longo prazo.


Muitas pessoas me enviam pelas LIVES perguntas como “O que é o Jejum Intermitente”, ou “Como fazer o Jejum Intermitente” ou ainda “O que pode comer ou beber durante o Jejum Intermitente”. Enfim as dúvidas são muitas. Além dessas dúvidas comuns ainda surgem dúvidas como “Quantas horas devo ficar sem comer”, “Qual o melhor horário do dia para fazer o Jejum”, “Quando devo começar o Jejum Intermitente” e “Quantas vezes eu posso fazer o Jejum Intermitente na semana?”.


Neste artigo vou me ater as perguntas principais para ficar bem claro a melhor forma de você aplicar esta técnica maravilhosa no seu emagrecimento.


O que é o Jejum Intermitente


Jejum Intermitente é uma técnica utilizada para acelerar o metabolismo e levar a perda de peso através da modulação hormonal que se faz entre a insulina e o GH.


O que posso comer no Jejum Intermitente


Durante o jejum você não pode comer nada. O jejum tem que ser total para poder fazer o melhor efeito possível no seu metabolismo.


O que posso beber durante o Jejum Intermitente


Assim como não se pode comer, todas as bebidas são também proibidas (a não ser a água, é claro). Veja que o nome da técnica é “Jejum Intermitente” e não “Jejum Parcial Intermitente”. Por isso é importante fazer um jejum total, para que o seu metabolismo não tenha nenhum tipo de “ajuda” para buscar energia e comece a fazer o metabolismo energético a partir da queima de gordura.


Quando devo começar o Jejum Intermitente


O melhor momento para se começar o Jejum Intermitente é quando você já está fazendo a Dieta Low Carb e não está perdendo peso de uma semana pra outra. Porque o que poucas pessoas sabem é que o Jejum Intermitente é na verdade uma técnica de acelerar o metabolismo já utilizada na Dieta Low Carba muito tempo!


Acontece que ela ficou famosa agora separadamente, e infelizmente está se disseminando como se existisse uma “Dieta do Jejum Intermitente” ou “Dieta Intermitente” como alguns tem dito por aí. Mas não, a dieta é a Dieta Low Carb, o Jejum Intermitente é uma técnica utilizada dentro da Dieta Low Carb para acelerar o seu metabolismo.


Dessa forma, comece primeiro fazendo a Dieta Low Carb, acompanhe o seu peso semanalmente (e não diariamente como alguns fazem e ficam doidos), e se você fazendo a Dieta Low Carb não perder peso de uma semana para outra, ai sim, você pode começar a fazer o Jejum Intermitente. 


Como Fazer o Jejum Intermitente


A melhor forma de fazer o Jejum Intermitente é pulando o jantar, e não o café da manhã como muitas pessoas fazem por aí. E isso tem vários motivos, entre eles:


1 – O café da manhã é a refeição mais importante do dia e a única que tem o poder de acelerar o seu metabolismo.


2 – Não ter fome de manhã já é um sintoma de metabolismo lento, e se você alimentar isso, vai ficar cada vez mais lento…


3 – O jantar é a refeição mais opcional. Pular o jantar é um ato de benevolência com o seu metabolismo. Pois tudo que você come pela manhã, você tem o dia todo pra resolver, mas o que você come a noite, a possibilidade de ser armazenado é muito maior.